No congresso, o Dr. Pedro Isaacsson do Instituto de Pesquisa Moinhos, parceiro do Oncosite, recebeu prêmio considerado Oscar da oncologia.

Na última sexta-feira (3), teve início o maior congresso de oncologia do mundo, o Encontro Anual da Sociedade Americana de Oncologia Clínica – ASCO 2022. O médico Ijuiense Fábio Franke está em Chicago participando do evento.

Fábio participa representando a Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica – SBOC, a coordenação da pesquisa clínica do Hospital Moinhos de Vento e, também, como diretor de pesquisa e fundador do Centro de Pesquisa Clínica Oncosite. Em 2019, o oncologista foi destaque no ASCO, com o estudo da MONALISA-7, uma pesquisa para o câncer de mama metastático.

No congresso, Fábio participa juntamente com o Dr. Pedro Isaacsson, chefe do Instituto de Pesquisa Moinhos, que recebeu o prêmio The Career Development Award (CDA) da The Conquer Cancer Foundation, considerado o Oscar da oncologia em inovação. A premiação de US$ 200 mil será destinada ao Hospital Moinhos e investida em projetos de pesquisa em câncer de próstata.

O Oncosite e o Hospital Moinhos de Vento, são pioneiros da pesquisa clínica no Brasil. Em 2021, se tornaram parceiros, expandindo a captação de pacientes e o desenvolvimento de processos em pesquisa clínica.

Para o oncologista Ijuiense, o reconhecimento internacional confirma o sucesso da parceria. “O caminho escolhido pelo Hospital Moinhos de Vento, em conjunto com a Oncosite, veio para delinear o futuro da pesquisa clínica no Brasil e no Mundo“, afirma Fábio.

O evento que encerra na terça-feira (07), reúne cerca de 40 mil profissionais de todo o mundo. Outras autoridades em oncologia do Brasil também estiveram presentes, com o Dr. André Reiriz, investigador do Instituto Tacchini de Pesquisa em Saúde (ITPS) e o Dr. Paulo Hoff, presidente da SBOC e diretor Médico da Rede D’Or.